Autor: Lays Tateno

Maternar é / Bebê

Primeiro Dente do Makoto Caiu!

05/04/2018 Por: Lays Tateno
Ei banguelinha, finalmente hein?! É filhão, quantas emoções nesses dias, como esperamos por esse momento, você sempre ansioso nos deixava também, priminhos, amiguinhos cheios de janelinhas e você lá, há meses escuto, “mamãe, agora ele está mole” corria pra ver e seu dente estava (super) firme. Eu tentando controlar sua ansiedade dizia, está tudo bem, pra quer ser banguela 😂 mas no fundo desejava tanto que ele ficasse logo mole. Então, em um dia especial, no seu primeiro acampamento @ecoslazer ele caiu, assim como seu primeiro...
Maternar é / Bebê

Formatura do Pré – A,B,C do Makoto!

29/03/2018 Por: Lays Tateno
Filho... como o tempo passou, me lembro você com poucos dias de vida, eu toda atrapalhada (desesperada) ler em algum lugar que aos 2 anos ficaria mais fácil, conseguiria entender mais facilmente sobre você. Naquele momento eu pensei, 2 ANOS 😱 como assim, eu não vou aguentar até lá. O tempo passou mais rápido do que eu imaginei, não podemos controlar o tempo, o quanto eu brigo com ele todos os dias, quantas noites chorei por não conseguir dar a atenção, brincar, ou estar mais...
Dica de mamãe

Eu tenho Silicone – Tudo sobre Ele!

01/03/2018 Por: Lays Tateno
Oi Gente! Gravei um video contanto sobre meu silicone  e aproveitei pra complementar com as perguntinhas que vocês deixaram nos comentários. Preço: a Primeira vez foi em torno de 6.500 sem o hospital que foi mais 1.000 (10 anos atrás) Na segunda vez com tudo 9.000 (há 4 anos atrás). O corte: como na primeira vez foi feito em baixo do seio na segunda vez permaneceu pra não criar uma nova cicatriz, que por sinal...
Desenvolvimento / Bebê

A Chegada do Irmaozinho!

22/02/2018 Por: Lays Tateno
Oi Gente! Sempre foi assim, um no colo e os outros ao redor... Sempre introduzi os dois nas atividades, caso eu estivesse dando mamazinho eu ficava sempre perto dos outros, pedia para eles brincarem ao meu lado, me ajudar com o paninho de boca, passar pomadinha no bumbum e assim somos até hoje. Então a fase de adaptação aqui em casa com a chegada de um bebê foi rápida, a nossa cabeça manda muito e as crianças sentem nossa insegurança, percebem que algo não está bem...